No intervalo...

(foto de GMV - painel no Pav. do Conhecimento)


pontos que, voluntariamente, reclamam o término. São finais. Sinais gráficos de uma condição que não permite a alegria exclamada... que não deixa espaço para a interrogação... que anula a hipótese da omissão intencional. Pontos finais. Que aniquilam a intenção de dizer.



18 comentários:

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

É dura e difícil a situação de se ver obrigada pôr um ponto de final. Porém, às vezes, é necessário, ainda que seja doloroso. Uma alternativa seria não ser tão rígida, dar espaço para as reticências, para o não dito e que pode ser imaginado de várias formas.
Um beijo, Graça,
Renata
PS: Nâo aparece no meu canto hj?

ângela marques disse...

Felizmente também há outros pontos, que não finais...


beijo

sérgio figueiredo disse...

Querida Graça,

Apenas uma pequena frase:

"PONTO FINAL"




(não tenho palavras que possam dizer que..."és demais com as palavras". Tão poucas e superiores no con......texto.

beijinho

beijinho

Régis Castro disse...

Oh... Querida Graça como eu gosto de ler estas tuas palavras, elas me encantam, elas me inspiram, elas me fazem refletir...

Felizmente, muito felizmente existem uns outros tantos pontos...

beijos...

Paulo disse...

Amiga querida, bela reflexão sobre pontos. E as vírgulas também têm o seu quê.

Sempre achei que gostavas de pontos finais :)

Bjos

PJB

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Sei que já foi ao meu canto hj, mas publiquei ópera no Poemas, Canções, etc.
Um beijo,
Renata

Régis Castro disse...

Olá Graça... obrigado por todas as palavras em meu cantinho de desabafos e reflexões...

passeipra ted eixar o mei beijo de boa noite...


Beijos e Abraços..

isabel mendes ferreira disse...

aqui querida Querida Graça os pontos são sempre in.finais.... e iluminam - se sombras magnificas.



tudo se casa. perfeitamemte.



beijo. grato.

f@ disse...

Olá Graça,

Mas é intervalo... o ponto é pinta... nunca há final....
Estou a brincar...
três pontos finais e mais 3... infinitos pontos... sem final...

Beijinhos das nuvens

paola disse...

Minha amiga, um ponto final no lugar certo é sempre um acto notável. A consciência do fim, a certeza dos limites... mas nada como um ponto de admiração! Até é capaz, o malvado, de rir, ou chorar,ao olhar um ponto final.

Beijo abraçado

Nota: Cheguei agora mesmo!!

Nilson Barcelli disse...

Há pontos finais assim, de facto.
Mas... nem um parágrafo pode vir depois desse ponto?
Beijo.

o que me vier à real gana disse...

GMV, mas nós podemos contrariá-los!
(meti este, aí atrás, só porque me veio à real gana).

Bjs

Conde Vlad Drakuléa disse...

Exatamente nós podemos contrariá-los, odeio pontos finais!
Te adoro, beijocas novas...

Conde Vlad Drakuléa disse...

Se for um namorado podes por um ponto final sim, he,he,he, nem um pouco oportunista eu né? Heuhehheuhe, beijocas ;)

Isabel disse...

gostava eu de saber desenhar-lhe um obrigada que tivesse cheiro de luz.


mas aqui não dá...:)


por isso espalho pétalas de líros.


só para agradecer.



beijo G.





.piano.

O Profeta disse...

Onde te situas? Nas tuas reticencias...


Doce beijo

Ana Paula disse...

Saltitando pousei de leve no teu palco...
Grata pela minha curiosidade, que me trouxe para este recanto infindável de belas palavras.
De actores, todos temos realmente um pouco, mas na alma de actor poucos conseguem permanecer com tal fervor.
Parabéns, escreves com destreza.
Voltarei com certeza.
Beijos

JotaSP disse...

Até parece que________________